O Duplo Padrão Moral de Quem Posa de Isento

Paulo Eneas

No ano passado, durante a votação do impeachment, muitas pessoas exibiram indignação e revolta com a menção que o deputado Jair Bolsonaro fez ao Coronel Brilhante Ustra. Estas mesmas pessoas, no entanto, viram com naturalidade ou indiferença um deputado petista homenagear Carlos Marighela e outros comunistas assassinos e torturadores de inocentes durante o regime militar.

Essas pessoas de duplo padrão moral, e que se apresentam como isentas, correspondem ao que Lenin chamava de idiotas úteis, pois sempre estão dispostas a se colocar ainda que involuntariamente ao lado dos comunistas e socialistas. E o fazem em nome de uma suposta isenção e de uma ilusória independência de pensamento.

#CriticaNacional #TrueNews


 

2 comments

Comentários