Eleições Holandesas: Saem Primeiras Pesquisas de Boca de Urna

eleicoes holandesas

por paulo eneas
As primeiras pesquisas de boca de urna indicam que o partido do atual primeiro-ministro holandês Mark Rutte sairá vencedor das eleições holandesas realizadas nessa quarta-feira. As projeções indicam que o partido de Mark Rutte obterá 31 das 150 cadeiras do parlamento. Lideranças globalistas e de esquerda celebraram via twitter a possível vitória do atual primeiro-ministro alinhado com a União Europeia e suas políticas imigratórias pró-islâmicas.

Estas mesmas pesquisas indicam também que o principal partido da direita holandesa, o PVV de Geert Wilders disputa o segundo lugar com o D66, um partido pró-globalista e favorável à União Europeia, e com partido Democrata Cristão de perfil de centro-direita. A projeções das pesquisas de boca de urna indicam que o PVV poderá ficar com 19 cadeiras no parlamento, quatro a mais em relação a última eleição.

O líder de direita Geert Wilders foi hostilizado e demonizado por toda a grande imprensa ocidental, que o retrata como sendo de “extrema-direita”, por apresentar uma plataforma que inclui a saída da Holanda da União Europeia, a defesa da cultura e das tradições nacionais holandesas, e por defender explicitamente o fim da invasão muçulmana que vem ocorrendo há anos no país.

O resultado obtido pelo PVV de Geert Wilders poderá ficar abaixo do que indicavam pesquisas anteriores, devido basicamente a dois fatores: a crise diplomática com a Turquia surgida nos últimos dias e que o governo globalista do atual primeiro ministro soube capitalizar. E o apelo ao voto útil desse mesmo primeiro-ministro Mark Rutte, que chegou a afirmar que a Holanda iria mergulhar em um caos se Geert Wilders assumisse o governo.

Caso prevaleça os resultados projetados pelas pesquisas de boca de urna, o desempenho da real e autêntica direita holandesa representada por Geert Wilders e seu partido pode ser considerado satisfatório. Pois apesar dos ataques e demonização da grande imprensa, Geert Wilders conseguiu pautar o debate eleitoral nos temas que realmente importam aos holandeses e a todos os europeus: a perda da soberania nacional pela submissão à União Europeia, a defesa dos valores e da cultura nacional, e o posicionamento firme e inequívoco contra a invasão islâmica que assola o continente.

#CriticaNacional #TrueNews


 

3 comments

  1. Não confio nas pesquisas eleitorais de antes das eleições, muito menos nas pesquisas de boca de urna. Vamos esperar mais para fazermos uma análise.

Comentários