Diretor de Colégio Recua e Admite a Existência de Doutrinação nas Escolas

_cn newsDurante debate no Auditório da Folha de São Paulo no ano passado a respeito do projeto de lei de Escola Sem Partido, o diretor de um importante colégio particular de elite da capital paulista negou enfaticamente a existência de qualquer tipo de doutrinação ideológica nas escolas. No entanto, algum tempo depois, durante uma audiência judicial, cuja filmagem foi disponibilizada ao público pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, esse mesmo diretor não apenas reconhece que esse problema de doutrinação existe, inclusive no ensino superior nas universidades públicas, como admite que critérios de natureza ideológica de viés marxista são empregados por professores na correção de provas e exames, como mostra o vídeo abaixo.



#CriticaNacional #TrueNews

14 comments

  1. Opa, o diretor do Colégio Bandeirantes mudou de idéia quanto à evidente existência de doutrinação nas escolas?! Rs Não coloco meu filho em um colégio desses de modo algum! Pode ser considerado um dos melhores da cidade de São Paulo, o que o valha. Quem decide a educação do meu filho sou eu. E não quero que lhe incitem comportamentos indevidos, como os que vêm sido incutidos pela esquerda, há anos, e no mundo inteiro.

  2. Apenas pelo fato de quase todos os professores serem sindicalizados ja mostra q eles apoiam os partidos “vermelhos”, visto q os diretores sindicalistas sao, na sua grande maioria, afiliados a estes partidos. A unica matéria q poderia, mas nao deve ter “ideologia politica” é História, as demais nem pensar!!! Sera q eh isso q acontece?? Pelo q já vi, tudo leva a crer q nao…

  3. Isso vem ocorrendo há bem mais de meio século sob o silêncio solerte da elite do país. Aliás, esse foi um grave erro do governo militar. Não ter combatido nas instituições escolares essa disseminação marxista.

  4. A única forma de acabar com a doutrinação e consequentemente com a educação gramscista é combatendo o MEC(Ministério da Educação Comunista) e tirando as crianças e jovens da escola.

  5. E a doutrinação religiosa? Porquê nao está sendo questionada? Muito mais vergonhoso que a doutrinação política é a doutrinação religiosa.

    1. Deve ser porque a formação religiosa é voluntária, vc matricula seu filho em uma escola catolica, protestante, umbadista se quiser…

    2. Você está certamente falando das musiquinhas nacionais e estrangeiras com ritmo mulssumano (grafia certa, conforme o Prof. olavo de Carvalho)? Essa também é uma forma de doutrinação.

  6. Vergonha. Ainda bem que existem pessoas lutando contra isso. Antes tarde do que nunca. Mas o estrago que fizeram, vai ser difícil consertar, porém não é impossível.

Comentários