Grupos de ativistas realizarão nessa sexta-feira, dia 29 de Setembro às 16h00, uma manifestação contra a pedofilia e a erotização infantil em frente à sede do MAM – Museu de Arte Moderna, em São Paulo. O museu abriga uma exposição chamada Panorama da Arte Brasileira em cuja abertura foi realiza o que os pseudo-artistas chamam de performance, na qual uma criança toca um homem adulto nu deitado no chão.

No vídeo que circula na rede mostrando o ato criminoso rotulado de performance, vê-se claramente que uma mulher adulta orienta e instrui a criança a tocar o corpo do homem nu, o que ao nosso ver caracteriza uma clara indução e estímulo à erotização precoce e a aceitação da pedofilia por parte da criança, como mostrado na reprodução abaixo.



O museu alega em nota oficial que a mãe da criança estava presente durante o ato ilegal a que a criança foi exposta, o que ao nosso ver aumenta a gravidade da situação, pois indica que mãe da criança concordou que sua filha fosse exposta a uma situação de constrangimento e erotização infantil. A alegação do museu ao nosso ver não isenta nem diminui a responsabilidade da instituição por esse ato ilegal, mas apenas evidencia que houve cumplicidade por parte de terceiros, a mãe da criança, com a ilicitude. Até o momento não tomamos conhecimento de alguma manifestação por parte do Ministério Público de São Paulo a respeito de mais esse episódio de apologia à pedofilia e de erotização infantil disfarçados sob a forma de arte.

O fato é que a esquerda revolucionária de mentalidade doentia e criminosa continua perseguindo e atentando contra a integridade das crianças por meio da promoção da pedofilia e da erotização infantil, usando a arte como pretexto. Não podemos dar tréguas nesse combate, e muito menos fazer concessões de qualquer natureza. O enfrentamento tem que ser feito em todas frentes, tanto na guerra política e cultural quanto na esfera da guerra jurídica. #CriticaNacional #TrueNews


MANIFESTAÇÃO CONTRA PEDOFILIA E EROTIZAÇÃO INFANTIL
DIA 29/09 SEXTA-FEIRA ÀS 16HS. EM FRENTE AO MAM


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE