Benjamin Netanyahu Impõe Silêncio Constrangedor à Assembleia Geral da ONU

Durante as discussões ocorridas na ONU no ano passado a respeito do acordo que possibilitou ao regime de ditadura teocrática muçulmana do Irã ter acesso à tecnologia para a produção de armas nucleares, acordo esse que somente foi possível devido ao empenho e esforço do então presidente socialista e muçulmano dos Estados Unidos, Barack Obama, o Primeiro Ministro do Estado de Israel Benjamin Netanyahu fez um discurso que foi um dos mais emblemáticos de toda a história das Nações Unidas.

Um dos trechos mais significativos desse discurso, no qual Netanyahu denuncia o silêncio da ONU ante a decisão deliberada do Irã de tentar destruir o Estado de Israel, pode ser visto no vídeo curto abaixo, com legendas em português.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Deixe um comentário