Primeiro-Ministro Húngaro Viktor Orban: Existe Uma Invasão Muçulmana na Europa

Em entrevista dada ao jornal alemão Bild no último domingo, o primeiro-ministro húngaro Viktor Orban reafirmou a posição crítica que tem tomado em relação à política imigratória pró-muçulmana e suicida da chanceler alemã Angela Merkel, que é a chefe de facto da União Europeia. Na entrevista, Orban reafirmou o seu entendimento, correto e realista, de que o multiculturalismo apregoada pela esquerda e pelos globalistas nunca passou de uma ilusão, e que o processo imigratório que vem ocorrendo em solo europeu tem que ser chamado daquilo que realmente é: uma invasão muçulmana.

Viktor Orban lembrou na entrevista que a Alemanha já recebeu mais de dois milhões de invasores muçulmanos em período recente. Ele disse também que a Hungria não irá aceitar a imposição de cotas de imigração estabelecidas pela União Europeia, e reafirmou seu posicionamento contrário à abertura generalizada de fronteiras, bem como sua convicção de que os invasores muçulmanos são autênticos Cavalos de Troia do terrorismo muçulmano.

Por Angelica Ca pela editoria internacional e com informações de Breitbart e Bild. Edição de texto de Paulo Eneas. #CriticaNacional #TrueNews.


 

Comente com seu perfil do facebook: