O Discurso da Esquerda: Prisão Não Resolve Problema do Bandido

O discurso que a esquerda tentou impor durante os anos em que ela monopolizava hegemonicamente o debate público era o de que a prisão não resolve o problema do criminoso, uma vez que o sistema prisional é incapaz de recuperar o preso e reinseri-lo na sociedade. Essa mesma esquerda inventou até mesmo a falácia de um suposto encarceramento em massa, para vender a ideia igualmente falaciosa de que o Brasil é um país onde se prende demais.

De fato, a prisão não resolve o problema do criminoso, pois não é essa sua finalidade. A prisão não foi feita para reeducar bandido e muito menos para tentar prepará-lo para supostamente voltar a viver em sociedade. A prisão existe para resolver o problema da sociedade, que não pode nem deve aceitar conviver com criminosos em seu seio. No entanto, a inversão de valores promovida pela esquerda fez com que a discussão sobre segurança pública e criminalidade passasse a ser feita do ponto de vista dos criminosos e dos que estão dentro das prisões.

Qualquer discussão sobre criminalidade e segurança pública feita a partir do ponto de vista de quem está dentro das prisões, ou seja do ponto de vista dos criminosos condenados, tenderá inevitavelmente a endossar a narrativa mentirosa e favorável ao crime criada pela esquerda. Segurança pública, incluindo sistema prisional, deve ser discutida e debatida do ponto de vista dos interesses da maioria, das pessoas de bem, que são as vítimas reais ou potenciais do mundo do crime, e jamais do ponto de vista do criminoso e menos ainda de seus supostos direitos humanos.  #CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE