Os Tucanos na Mira da Polícia Federal

As investigações da Polícia Federal contra a corrupção chegaram hoje mais perto da cúpula tucana. Carlos Nasser, assessor do governador tucano Beto Richa, foi preso essa manhã no âmbito da Operação Integração, da Lava Jato. O governador paranaense também está sendo investigado e somente não foi preso ainda por conta do foro privilegiado. A Polícia Federal investiga também Paulo Preto, ex-diretor da Dersa e um dos homens de confiança do senador José Serra, que também está sendo investigado.

Esses fatos jogam por terra a narrativa alarmista que a grande imprensa, como O Antagonista por exemplo, repete há meses e meses de que a Lava Jato teria acabado, ou que estaria sendo boicotada ou outras narrativas semelhantes. Os fatos mostram aquilo que afirmamos aqui no Crítica Nacional desde basicamente o impeachment da ex-presidente petista: a Lava Jato tem vida própria, e muito em breve chegará ainda mais perto de tucanos graúdos, com profundas implicações no quadro político-eleitoral desse ano. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE