Caravana do Criminoso: Lula Confessa Intenção de Unificar Brasil Com Países Árabes

Durante uma etapa de sua patética e já fracassada caravana pelo sul do País, o líder petista condenado pela justiça confessou em um comício a intenção sua e de seu partido de acabar com o soberania do Brasil e extinguir a nacionalidade dos brasileiros promovendo a unificação do nosso País com outros países latino-americanos e com os países árabes.

Falando para uma plateia esvaziada e desatenta e desinteressada, formada em grande parte por pessoas arregimentadas pela máquina partidária petista, Lula resolveu revelar os planos geopolíticos que sempre estiveram nas intenções de todos os comunistas e globalistas: pôr um fim à soberania dos estados nacionais, por meio da formação de grandes blocos regionais alinhados e submetidos aos interesses dos bloco internacionais islâmico e comunista.

O líder petista já condenado pelo justiça continua solto, fazendo pregações que atentam contra os interesses da Nação e contra os interesses de todos os brasileiros. E continua solto por conta de uma decisão ilegal e inconstitucional do STF que decidiu submeter-se à vontade dos petistas concedendo um salvo-conduto para o criminoso condenado para que ele possa circular livremente pelo país sem o risco de ser preso.

A decisão do STF foi bem-recebida pelo governador paulista e pré-candidato presidencial Geraldo Alckmin, do PSDB, partido que sempre deu suporte e resguardo aos petistas e às suas políticas atentatórias aos interesses nacionais. Haja vista que atual política externa brasileira, chefiada pelo comunista tucano Aloysio Nunes, em nada difere da política externa da era petista. 

O Brasil precisa reencontrar seu rumo como nação civilizada, e para isso os brasileiros precisam em primeiro lugar livrarem-se da esquerda que há décadas manda no país, esquerda essa representada pelos petistas e tucanos e seus respectivos partidos aliados. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews

Lula confessando o que fez e o que pretende fazer com o Brasil. Pátria grande comunista.

Publicado por Christina Fontenelle em Segunda-feira, 19 de março de 2018

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE