Índice de Rejeição de Candidatos: A Metodologia Apropriada

Um parâmetro relevante para a estratégia eleitoral a ser seguida por um candidato é saber seu grau de rejeição junto a determinados segmentos do eleitorado. As pesquisas divulgadas pela grande imprensa não informam qual a metodologia usada para aferir esse grau de rejeição. Em nosso entender, para que essa aferição seja metodologicamente válida, ela precisa ser feita do seguinte modo:

Perguntar ao eleitor se ele pretende votar em alguém. 
Se, e somente se, o eleitor pretender votar, perguntar então em quem ele não votaria de jeito algum.

A partir dessas respostas será possível então aferir o grau de rejeição de um candidato presidencial junto ao total do eleitorado, e também por estratificações por faixa etária, por renda, por região do país, por sexo, por grau de escolaridade, e outros.

Ou seja, a rejeição tem que ser medida somente entre os eleitores que pretendem votar em alguém, e por meio de declaração de rejeição, e não por inferência a partir dos dados de intenção de voto em outros candidatos. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

Comente com seu perfil do facebook: