A Candidatura do Socialista Marcio França Ao Governo de São Paulo

O candidato do PSB ao governo paulista Marcio França é apoiado nesse segundo turno pela CUT, pelo MST, pelo PT e por toda a esquerda paulista, incluindo as alas mais à esquerda dos tucanos. Já houve uma migração de voto útil da esquerda para ele ainda no primeiro turno, para conseguir ultrapassar Paulo Skaf.

A escolha feita pelo socialista Marcio França de uma coronel da Polícia Militar para ser sua candidata a vice resultou obviamente de um cálculo eleitoral visando navegar na pauta de segurança imposta pela direita. Um cálculo eleitoral temperado como o estímulo velado a práticas de natureza sindical no seio da corporação da Política Militar, uma prática sabidamente de extração chavista.

Uma hipotética vitória de Marcio Marcio em São Paulo irá seguramente garantir aos petistas um pé firme no governo paulista, e representará uma sobrevida estratégica para a esquerda socialista e comunista, que vem sendo derrotada em quase todo o território nacional. Essa sobrevida terá impacto imediato nas próximas eleições municipais.

Diante desse quadro, e sem abrir mão das críticas que fizemos até hoje a João Doria, o Crítica Nacional alerta aos seus eleitores paulistas para não votar em hipótese alguma no candidato endossado pelas esquerdas e pela CUT, MST e PT, e recomenda a indicação de voto em João Doria. Essa indicação obviamente não significa um apoio a priori a seu futuro governo.  #CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

Comente com seu perfil do facebook: