Censura & Ativismo Judicial: STF Manda Suspender Publicação da Revista Crusoé

Em um flagrante exemplo de censura e cerceamento da liberdade de expressão, proibidos pela Constituição Federal, e motivado pelo câncer do ativismo judicial, o Ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta segunda-feira que a Revista Crusoé retire do ar a reportagem intitulada “O amigo do amigo de meu pai”.

O título da reportagem faz alusão ao apelido atribuído pelo empreiteiro Marcelo Odebrecht ao ministro Dias Toffoli, que foi citado no âmbito da Operação Lava Jato. Em sua decisão, o ministro Alexandre de Moraes, afirma haver “claro abuso no conteúdo da matéria veiculada”, numa consideração de natureza puramente subjetiva, uma vez que a Constituição Federal claramente não limita o exercício da liberdade de expressão por alguma coisa que possa ser definida como abuso.

Em sua decisão, o ministro também manda que os responsáveis pela revista sejam acionados pela Polícia Federal (PF) a fim de prestarem esclarecimentos no prazo de 72 horas. A atitude do ministro do STF causou uma reação de repulsa e indignação nas redes sociais, por conta de sua inconstitucionalidade e por representar um sério precedente de ameaça à liberdade de expressão no Pais. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Deixe um comentário