Presidente Jair Bolsonaro Lamenta a Morte de Rhuan


por paulo eneas
O Presidente Jair Bolsonaro publicou mensagem em seu twitter nesta terça-feira (18/06) expressando sua indignação diante do crime bárbaro ocorrido em Brasília no final do mês de maio e que vitimou o menino Rhuan Maycon, de nove anos. O crime chocou o país pelos requintes de crueldade e frieza: Rhuan foi morto e esquartejado pela própria mãe e por sua companheira, Kacyla Pryscila Santiago, que confessaram o crime.

Segundo laudo divulgado pela Polícia Civil do Distrito Federal, o menino foi decapitado ainda vivo. Ele também tomou onze facadas nas costas, além de ter sofrido outros atos cruéis praticados pelas duas mulheres. O inquérito policial foi encerrado, com a investigação solicitando a condenação das assassinas confessas pelos crimes de homicídio qualificado, tortura, ocultação de cadáver e fraude processual, por terem lavado a cena do crime.

As duas assassinas confessas também responderão por lesão corporal gravíssima. As penas somadas para cada uma das suas mulheres resultam em cinquenta e sete anos de prisão. O Presidente Bolsonaro lamentou a morte do menino Rhuan, e disse que este crime é um dos “crimes cruéis que ocorrem no Brasil e que nos faz pensar que infelizmente nossa Constituição não permite prisão perpétua“.

Mesa Redonda: O Silêncio da Mídia
Além da tragédia propriamente dita que acometeu uma criança inocente, o que mais chamou a atenção do público foi o silêncio relativo da grande imprensa sobre o fato. E  esse silêncio tem uma explicação: o assassinato de Rhuan revela uma faceta cruel nunca antes exibida da agenda diversionista e identitária levada adiante pela esquerda.

Trata-se da faceta cruel de uma agenda ideológica que, ancorada na falácia científica da ideologia de gênero, procura desestruturar famílias, corromper a condição natural humana, e expor crianças e adolescentes a experimentos macabros e de engenharia social que atentam contra a integridade física e a própria vida dessas crianças.

Esses e outros aspectos envolvendo o silêncio conivente da grande imprensa diante desse episódio serão tratados na edição dessa terça-feira (18/06) da Mesa Redonda do Movimento Avança Brasil, que irá ao ar hoje às 21h pelo Canal do Avança Brasil no Youtube.

Colaboração de Angelica Ca #CriticaNacional #TrueNews #RealNews



 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Deixe um comentário