por angelica ca
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, condenou nesta segunda-feira (05/08) os ataques ocorridos em El Paso, no Texas na última sexta-feira, e o ataque em Dayton, Ohio, ocorrido na madrugada de domingo (04/08), nos quais dois atiradores mataram no total 29 pessoas e deixaram mais de 50 pessoas feridas.

Ao se pronunciar sobre os ataques durante declarações solenes na Casa Branca ao lado do vice-presidente Mike Pence, Donald Trump disse que a “nação está tomada de choque, horror e tristeza”, e que os Estados Unidos devem “condenar o racismo, o fanatismo e a supremacia branca”. Ele ainda ressaltou que “essas ideologias sinistras devem ser derrotadas. O ódio não tem lugar na América.”

Donald Trump pediu que sejam feitas reformas nas leis de saúde mental, a fim de identificar indivíduos mentalmente perturbados com potencial para cometer atos de violência como o ocorrido. Ordenou ainda ao Departamento de Justiça dos Estados Unidos que comece a trabalhar em uma proposta para agilizar a aplicação da pena de morte para os executores dos massacres, eliminando anos de atraso desnecessários. E acrescentou:

Precisamos parar com a glorificação da violência em nossa sociedade. Isso inclui os horríveis e terríveis jogos de videogame que agora são comuns. É muito fácil para os jovens problemáticos cercar-se de uma cultura que celebra a violência. Temos de parar ou reduzir substancialmente isso, e temos que começar imediatamente.

Durante conversa com jornalistas neste domingo (04/08), no Palácio da Alvorada, o presidente Jair Bolsonaro lamentou os atentados e disse que no Brasil também já aconteceu isso, lembrando que o país é extremamente desarmado, porém já ocorreram tragédias como estas aqui.

O presidente disse que não é simplesmente desarmando o povo que se irá evitar que tais tragédias aconteçam  também no Brasil. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Deixe um comentário