Conselho do Ministério Público Rejeita Indicação de Bolsonaro para Comissão de Desaparecidos

O Conselho Superior do Ministério Público Federal vetou nesta terça-feira (06/08) a indicação feita pelo presidente Jair Bolsonaro do nome do procurador da república Ailton Benedito para compor a Comissão de Mortos e Desaparecidos Políticos durante o período do regime militar.

Na sessão que foi realizada nesta terça-feira, os conselheiros rejeitaram a indicação do presidente por 6 votos a 4, sob a alegação de que não cabe ao Executivo escolher o membro do MPF que integrará a comissão. O conselho também entendeu que o cargo para qual o procurador foi indicado não se encontra vago.

Por lei, o Presidente da República possui a prerrogativa de nomear os integrantes para a Comissão. Porém, os nomes precisam ser aprovados pelo Conselho Superior do Ministério Público Federal.

A rejeição do nome de Ailton Benedito, um procurador de perfil conservador, reflete o viés esquerdista que prevalece no Ministério Público Federal, e que é mais um indicativo do grau de aparelhamento ideológico de todas as instituições do Estado brasileiro. Colaboração Angelica Ca #CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE