Venezuela: Grupo de Lima Rejeita Ameaça de Convocação de Eleições Legislativas Antecipadas

O Grupo de Lima rejeitou mediante comunicado nesta terça-feira (13/08) a ameaça da Assembléia Nacional Constituinte de convocar eleições antecipadas para a Assembléia Nacional da Venezuela. O grupo considerou inconstitucional a proposta feita pelo ditador Nicolas Maduro. De acordo com o grupo, o regime do ditador Maduro continua de maneira sistemática a minar as instituições na Venezuela.

Segundo comunicado do grupo, a tentativa de convocação de eleições visa levantar a imunidade parlamentar de outros quatro membros da Assembléia Nacional, e constitui-se em um novo exemplo da clara violação de todas as normas democráticas, bem como do estado de direito e da Constituição venezuelana.

O documento ainda solicita que a comunidade internacional exija a cessação destas ações, classificadas como provocativas e desesperadas por parte do regime ilegítimo de Nicolas Maduro. Colaboração Angelica Ca CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Deixe um comentário