Depois de ter sido enxovalhado pela militância bolsonarista na sua tentativa, conforme havíamos antecipado aqui no Crítica Nacional, de dar às manifestações desse domingo um caráter hostil ao presidente, o grupo político opositor do governo Vem Pra Rua decide prosseguir na tática de exercer pressão indevida sobre o Presidente Bolsonaro para “exigir” que ele vete integralmente a lei de abuso de autoridade.

O grupo criou um website específico para “exigir” o #vetatudo do presidente, ignorando por completo as opções estratégicas e políticas a serem consideradas no que diz respeito à relação do Executivo com o Congresso Nacional. Ignora também o fato de o presidente já ter afirmado e reafirmado que ele delegou ao ministro Sérgio Moro a tarefa de definir os itens a serem vetados.

Ao ignorar essas questões e simplesmente “exigir” do presidente o veto total, o grupo Vem Pra Rua deixa claro seu propósito de usar a repulsa dos brasileiros à lei de abuso de autoridade para fazer dela um instrumento de embate político contra o Governo Bolsonaro. No artigo linkado abaixo explicamos porque é um erro “exigir” do presidente o veto total. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews

Lei De Abuso De Autoridade: É Um Erro Exigir Do Presidente Vetar Tudo


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE