por clau de luca
Em Fórum Empresarial realizado na Fiesp (Federação das Indústrias de São Paulo) nesta quarta-feira (08/10) empresários da Hungria e do Brasil se encontraram para estreitar relações comerciais entre os dois países. O ministro do Comércio Exterior da Hungria, Péter Szijjàrtoó, esteve no evento e afirmou que a Hungria pode colaborar com o Brasil nas indústrias farmacêutica e de alimentos.

O ministro húngaro afirmou também que seu país tem muito a oferecer ao Brasil em termos de tecnologia, e destacou o trabalho de empresas húngaras no setor de tratamento de água. Péter Szijjàrtoó propôs parceria com o Brasil para que essa tecnologia seja trazida para cá, colaborando com o Brasil nesse setor.

Além do ministro, estiveram no evento da Fiesp as empresas Organica Water, especializada em tratamento de água, a Companhia de Águas Budapeste, especializada em reparo de tubulações subterrâneas, e a Trinity Enviro Ltda, voltada ao setor de água potável e cuidados para com os mananciais.

Peter Szijjàrtoó comentou sobre o alinhamento político existente entre o primeiro-ministro húngaro Viktor Orbán e o presidente Jair Bolsonaro, e revelou que Brasil e Hungria estão próximos de dar um segundo passo, estreitando ainda mais a relação entre os dois países. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews



CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Deixe um comentário