Conforme o Crítica Nacional vem noticiando há meses, as mídias sociais e os fluxos de informações digitais estão permitindo novas maneiras, mais modernas, de se avaliar os governantes, indo além dos antigos métodos dos institutos tradicionais. Uma das métricas utilizadas no universo digital é a medida do número de seguidores ou de inscritos no perfil institucional de um governante. Por esse critério, o Presidente Bolsonaro exibe uma evolução espantosa.

O gráfico abaixo, elaborado pela Agência de Dados MrPredictions, traz a série histórica referente à avaliação do Governo de Jair Bolsonaro, considerando as pesquisas de opinião divulgadas pelos institutos XP/Ipespe, Ibope, DataFolha, CNT/Mda, CUT/Vox Populi e Real Time Big Data, no período entre janeiro e outubro de 2019.
<font color=#ffffff>Série Histórica Mostra Crescimento da Avaliação Positiva do Governo Bolsonaro</font>

O gráfico representa a porcentagem da população brasileira que avalia o Governo Bolsonaro como Ótimo+Bom (linha azul), como Ruim+Péssimo (linha vermelha) e como Regular (linha cinza). Cada ponto do gráfico é o resultado divulgado por cada Instituto de pesquisa de opinião, em ordem cronológica, a partir de janeiro de 2019.

A parcela que julga a situação do governo como regular se comporta como um patamar da temperatura entre o Ótimo+Bom e o Ruim+Péssimo. A correlação até agora entre o regular é positiva para o Ruim+Péssimo e negativa para o contrário. Isso sugere talvez um possível “degrau de opinião”, isto é, antes de se inverter a opinião para os extremos, existe um período de avaliação regular dos entrevistados. Lembrando-se que esse evento em particular reflete um momento da análise da série de informações e pode não se repetir.

O dado relevante é que se percebe que, no conjunto das últimas 3 pesquisas, provenientes de institutos diferentes, está registrado um crescimento de 4 pontos na avaliação positiva (Bom + Ótimo). Embora tenha havido também avaliação negativa no mesmo período, recuando 4 pontos e posteriormente retornando ao mesmo patamar.

Deve-se ressaltar que estes dados são oriundos das pesquisas consideradas “tradicionais”, cujos resultados têm sido muito questionados por toda a população nos últimos anos. Apesar disso, os dados registram um balanço positivo a favor do governo, seja com a demarcação da tendência de crescimento da avaliação positiva, seja com o encolhimento do espaço entre a avaliação positiva e a negativa. Mas esse fato não foi registrado em nenhum veículo de comunicação da grande mídia. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Deixe um comentário