por paulo eneas
Nesta quinta-feira (21/11) aconteceu a Convenção Nacional do Aliança Pelo Brasil, o partido que promete ser o verdadeiro partido conservador e de direita brasileiro, após mais de meio século de hegemonia político-partidária da esquerda, e sem a existência de um partido político com esse viés no cenário político partidário nacional.

O Aliança pelo Brasil surge como desdobramento da cisão ocorrida no PSL, partido pelo qual elegeu-se o Presidente Bolsonaro e a quase totalidade de sua base de apoio. A falta de transparência e a ausência de compromisso programático do partido com a agenda de governo aprovada nas urnas, levou o Presidente Bolsonaro a romper com o partido, do qual desfiliou-se oficialmente esta semana.

O ponto alto da convenção, além da fala do Presidente Bolsonaro que, entre outros pontos, reafirmou seu compromisso de transferir a Embaixada do Brasil em Israel para a capital daquele país, Jerusalém, foi a apresentação da carta de princípios da fundação do partido, que traz seu compromisso com um programa conservador, soberanista, cristão, anticomunista e antiglobalista. A carta foi lida pela advogada Dra. Karina Kufa.

O Crítica Nacional acompanhou a Convenção Nacional do Aliança pelo Brasil esta manhã, por meio de seu canal no youtube. A íntegra da transmissão pode ser vista no vídeo abaixo, que ao final traz alguns comentários nossos. Mais tarde traremos artigo analisando aspectos relevantes da carta de princípios do Aliança Pelo Brasil. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Deixe um comentário