Máfia de ONGs Ambientalistas Financia Incêndios Criminosos na Amazônia

por paulo eneas
As ONGs ambientalistas formam uma máfia corrupta, que mantém relações promíscuas e não transparentes com o poder público e empenham-se em ações políticas atentatórias à soberania nacional, agindo de acordo com uma agenda globalista que empunha a bandeira ambiental unicamente para esta finalidade.

Como se isto não bastasse, algumas dessas ONGs empenham-se em atividades criminosas contra o próprio meio ambiente, conforme foi constatado pela Polícia Civil do Pará em investigação sobre os incêndios ocorridos em Alter do Chão, em outubro passado.

A investigação mostrou que aqueles incêndios foram criminosos, e que os incendiários já detidos promoveram esses crimes para vender as imagens para a World Wildlife Foundation, a WWF, uma das maiores ONGs ambientalistas do mundo. Portanto, as investigações comprovam a suspeita levantada à época pelo Presidente Bolsonaro, que já falava da natureza criminosa daqueles incêndios.

Mais tarde, o Crítica Nacional irá trazer uma matéria extensa sobre o episódio, destacando a natureza promíscua da ONG WWF com o Estado brasileiro, mantida por meio de um contrato firmado entre esta entidade globalista e o antigo governo petista. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Deixe um comentário