Em um flagrante ataque à liberdade de imprensa na Venezuela, funcionários da Sebin e da Polícia Nacional Anticorrupção, vinculados ao Ministério do Interior e da Justiça do regime do ditador Nicolás Maduro, invadiram nesta quarta-feira (18/12) a sede de notícias Venepress, ordenando que os trabalhadores deixassem os escritórios.

O Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Imprensa (SNTP) denunciou a ação pelo seu Twitter e informou que estava havendo uma busca da polícia naquele local. Vale ressaltar que episódios como o ocorrido hoje, na tentativa de silenciar a imprensa, são recorrentes no país e tem aumentado nos últimos meses pelas autoridades do regime do ditador Maduro. Colaboração Angelica Ca #CriticaNacional #TrueNews #RealNews

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE