por clau de luca e paulo eneas
O Aliança Pelo Brasil inicia a fase de coleta de assinaturas de apoio para a formação do primeiro partido autenticamente conservador e de direita na história recente do País. No chamamento nas redes sociais de Dia A, o partido convocou nessa sexta sexta-feira (20/12) seus eleitores para aderirem à fase inicial de coleta de assinaturas de apoio para a obtenção do registro da agremiação liderada pelo Presidente Bolsonaro.

Nessa fase, eleitores preenchem fichas de assinaturas que são enviadas aos cartórios de notas, como determina a legislação. No site do Aliança Pelo Brasil, que pode ser acessado nesse link aqui, estará disponibilizado um formulário, no qual o eleitor precisa preencher os seus dados e dirigir-se a um Cartório de Notas de sua cidade para fazer o reconhecimento de firma, que consiste no reconhecimento da sua assinatura, para garantir que não haverá problemas na hora de se verificar sua autenticidade.

Após o reconhecimento da assinatura em frente ao escrevente, o eleitor apoiador poderá deixar a ficha no próprio Cartório de Notas, que irá encaminhá-la ao Aliança Pelo Brasil. Se preferir, o eleitor poderá ele mesmo enviar a ficha ao partido, pelos Correios, para a seguinte caixa postal abaixo:

Aliança Pelo Brasil
Caixa Postal 78460
CEP 01401-970
São Paulo – SP

Caso não possa fazer o reconhecimento de firma no cartório, o eleitor pode preencher a ficha e assiná-la de forma idêntica como consta em seu título de eleitor, com a rubrica no local indicado. Em seguida, basta enviar a ficha pelos correios para a caixa postal do Aliança Pelo Brasil.

Importante:
Para ser um apoiador do Aliança Pelo Brasil, o eleitor não pode estar filiado a nenhum partido político. Caso seja filiado a outro partido, o eleitor deverá primeiro realizar o processo de desfiliação do partido em que está filiado, para somente então depois disso assinar a ficha de apoiamento no cartório de notas ou enviá-la pelos correio.

Conforme determina a legislação, é necessário fazer a coleta de 500 mil fichas de apoiamento devidamente preenchidas, assinadas e encaminhadas à Justiça Eleitoral, para que o partido Aliança Pelo Brasil obtenha seu registro junto ao TSE. Somente após obter o registro é que o partido poderá disputar e concorrer em eleições.

O preenchimento da ficha de apoiamento não configura filiação partidária, mas trata-se do primeiro passo para a criação do partido. Assim que o partido for registrado no TSE, começará a fase de filiação. O vídeo oficial abaixo traz informações mais detalhadas dessa fase inicial de coleta de assinaturas de apoio. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE