por angelica ca e paulo eneas
O presidente Jair Bolsonaro fez uma transmissão pelo facebook nesta terça-feira (07/01) ao lado do Ministro da Educação, Abraham Weintraub, diretamente do gabinete presidencial no Palácio do Planalto. Durante a transmissão foram apresentados os resumos dos diversos trabalhos desenvolvidos pelo ministério ao longo do ano de 2019. A transmissão conjunta e “exclusiva” também evidenciou o prestígio do ministro junto ao presidente.

O ministro e o presidente falaram a respeito da Política Nacional de Alfabetização desenvolvida pelo ministério e do Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares, compromisso de campanha do então candidato Jair Bolsonaro e que vem sendo cumprido já desde o início do governo.

O modelo de escolas cívico-militares garante mais disciplina nas salas de aula, segurança e respeito ao professor, além de mais qualidade em aprendizagem. Foram investidos R$54 milhões nesse programa, que tem a previsão de ser aplicado em 216 escolas até o final de 2026.

Ao finalizar a transmissão, o Presidente Bolsonaro e o Ministro Weintraub discorreram sobre a importância do trabalho do Ministério da Educação. O presidente lembrou do perigo da pasta da educação estar em mãos de pessoas que não tenham compromisso com os valores nacionais, ou que tenham compromisso com um projeto de poder de cunho autoritário:

“(…) começa lá na base, aquela pessoa ser preparada para ser um militante para ajudar aquelas pessoas que estão no poder a continuar no poder usando as armas da democracia”.

O Presidente Bolsonaro elogiou o trabalho do Ministro Weintraub, e comentou os ataques que ele vem sofrendo pela mídia e opositores do governo. O presidente também desmentiu mais uma vez a grande imprensa, que no final do ano passado divulgou a mentira de que Abraham Weintraub seria demitido do cargo. Ainda no ano passado o Crítica Nacional desmentiu essa fake news.

O ministro mencionou a criação de cinco novas universidades em regiões estratégicas do país, dando prioridade àquelas regiões fora dos grandes centros como norte, nordeste e centro-oeste. Abraham Weintraub lembrou também que cem por cento do orçamento do Ministério da Educação foi executado esse ano, não tendo havido nenhum corte orçamentário, ao contrário da mentira repetida incessantemente pela militância de esquerda.

O Presidente Bolsonaro lembrou que ele foi eleito também por conta de seu posicionamento em relação a certos temas na área de educação, como ideologia de gênero:

“Eu não vi discussão sobre ideologia de gênero. Isso, no meu entender, não é mais para ser discutido lá [na escola]. O pai quer que o filho seja homem, que a filha seja mulher. Coisa óbvia, né? Que [a escola] respeite a cultura dos pais.”

O Ministro Abraham Weintraub reforçou o posicionamento do presidente, lembrando que quem educa as crianças é a família:

“A escola ensina, a gente ensina a ler, a escrever, ensina o ofício. A gente espera que a família eduque as crianças.”

O Presidente Bolsonaro faz transmissões semanais pela sua rede social às quintas-feiras. O fato de ter realizado uma transmissão fora do dia habitual para tratar especificamente da área da educação foi uma demonstração do prestígio do Ministro Abraham Weintraub junto ao presidente. O que mais uma vez joga por terra a narrativa desonesta da grande imprensa que insiste na mentira de que o ministro estaria enfraquecido. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews