Dados divulgados na semana passada pelo Ministério da Justiça mostram que a Operação Nova Aliança, ação conjunta entre a Polícia Federal brasileira e as autoridades do Paraguai, destruiu no ano passado plantações de maconha que produziriam uma quantidade de droga avaliada em 33 milhões de dólares.

Somente no ano passado, foram destruídas 3.400 toneladas de maconha, volume esse que supera a soma dos volumes destruídos nos dois anos anteriores. A operação teve início em 30 de maio de 2019 para ser realizada em território paraguaio, e foi desenvolvida pela Polícia Federal do Brasil em conjunto com a Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai.

A operação tem como objetivo a eliminação da droga antes da colheita, bem como a apreensão de drogas e materiais usados no tráfico, evitando assim o processamento, transporte e ingresso em território nacional brasileiro. (publicado originalmente em 21/01/2020)

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE