O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) registrou lucro líquido recorde de R$ 17.7 bilhões em 2019, o que representa crescimento de 164% em relação ao ano anterior, quando on banco obteve lucro de R$ 6.71 bilhões, conforme informado pela instituição na última quarta-feira (11/03).

O presidente do banco, Gustavo Montezano, avaliou o lucro como recorde na história do BNDES. “Naturalmente, a performance financeira é algo relevante para qualquer instituição. Mas em se tratando do BNDES, mais importante que o lucro financeiro é quanto ele gera de lucro social, como desenvolve o Brasil e melhora a vida dos brasileiros”.

O BNDES contribuiu com R$ 142.2 bilhões para o Tesouro Nacional no ano passado, sendo R$ 123 bilhões relativos à dívida com a União (R$ 100 bilhões de antecipação e R$ 23 bilhões em pagamentos ordinários), e R$ 9.5 bilhões a título de dividendos e R$ 9.7 bilhões na forma de tributos, segundo informado pelo banco.


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE