O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (31/03), ao conversar com jornalistas em frente ao Palácio do Alvorada que o auxílio emergencial a trabalhadores informais aprovado pelo Congresso Nacional deverá ser sancionado ainda hoje. De acordo com o mandatário brasileiro, o assunto é prioridade, inclusive para a regulamentação.

O Senado Federal aprovou nesta segunda-feira (30/03), o projeto de lei que prevê o pagamento de R$ 600 para trabalhadores informais de baixa renda, autônomos, microempreendedores individuais (MEI). Segundo o projeto, é necessário que o trabalhador tenha renda familiar mensal inferior a meio salário mínimo per capita ou três salários mínimos no total e não ser beneficiário de outros programas sociais ou do seguro-desemprego.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE