O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta quinta-feira (02/04), a lei que cria o pagamento de uma renda básica emergencial no valor R$ 600 a trabalhadores informais, autônomos e sem renda fixa, por um período de 3 meses para mitigar os efeitos da crise provocada pela pandemia do vírus chinês.

O texto foi publicado no Diário Oficial da União (DOU), nele o presidente Jair Bolsonaro vetou três medidas. Também foi publicada no Diário Oficial a medida provisória (MP) que abre crédito extraordinário de R$ 98,2 bilhões que serão repassados ao Ministério da Cidadania para pagar o programa.

O benefício irá atender até dois membros mesma família, podendo chegar a R$ 1200. A medida faz parte do pacote de ações do governo federal para o enfrentamento do vírus chinês. Com o projeto do auxílio emergencial a expectativa do governo federal é de atender cerca de 54 milhões pessoas.