por paulo eneas
Brasileiros começaram neste domingo a reagir por meio de atos de desobediência civil ao crime continuado que vem sendo praticado contra a Nação brasileira por parte de governadores e prefeitos proto-ditadores que estão paralisando a economia de seus estados, obrigando as pessoas ficarem trancadas em casa impedindo-as de trabalhar.

Ao mesmo tempo em que as pessoas de bem estão sendo impedidas de trabalhar, o que está causando uma devastação na economia nacional com consequências muito mais nefastas em termos de perdas de vidas humanas do que aquelas que supostamente serão causadas pela epidemia do vírus chinês, bandidos e criminosos em geral estão sendo soltos e colocados na rua.

Trata-se de uma total inversão de valores, que os brasileiros de bem não podem mais aceitar. É chegado o momento de a Nação brasileira, ciente da gravidade do problema da epidemia e também ciente dos efeitos nefastos acarretados pela paralisação da economia e a destruição de milhares de empregos e de negócios, reagir a estas ações ilegais de governadores e prefeitos.

A reação teve início hoje em São Paulo (SP) e em Brasília (DF). Na capital federal, um grupo de pessoas protestou em frente à sede do Governo do Distrito Federal. Na capital paulista, a manifestação ocorreu en frente à Assembleia Legislativa, e os manifestantes pediram o impeachment do governador tucano João Doria. Os vídeos abaixo registram alguns momentos desses atos cívicos ocorridos hoje.

Brasília (DF):

 

São Paulo (SP)