O ditador Nicolas Maduro ordenou nesta terça-feira (07/04) a hospitalização de todos as pessoas infectadas pelo vírus chinês no país. A Venezuela é um dos países da região que possui menos casos de pessoas afetadas pelos vírus chinês, com registro de 166 casos e sete mortes.

“É uma ordem que eu dou. Temos que avançar para a hospitalização de cem por cento dos casos, cem por cento! Conseguimos conter a pandemia. Na situação em que estamos, podemos hospitalizar todos os casos e isolá-los ”

Segundo o ditador venezuelano a situação atual permite que essa medida seja executada, uma vez que o país possui 23.500 leitos e são registrados apenas 166 casos, dos quais 65 conseguiram se recuperar.

“Não é o mesmo estar em casa com a possibilidade de infectar o marido, esposa, irmão, irmã ou filho, do que estar em um hospital ou clínica totalmente isolado e com atendimento médico 24 horas por dia” , acrescentou o ditador Nicolas Maduro.
.