O presidente Jair Bolsonaro editou uma medida provisória que abre crédito extraordinário de R$ 2.5 bilhões para o enfrentamento da emergência de Saúde Pública em decorrência da pandemia do vírus chinês. O dinheiro vai para o Ministério da Cidadania, responsável pela gestão do auxílio emergencial de R$ 600 pago a pessoas inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais.

A MP 953/2020 foi publicada nesta quinta-feira (16/04) no Diário Oficial da União (DOU). Trata-se da 13ª medida provisória editada pelo governo federal em resposta à crise provocada pela covid-19. Juntas, as matérias liberam R$ 226,4 bilhões para diversas ações do governo federal nos estados. As Medidas Provisórias que abrem crédito extraordinário para o combate à pandemia não serão votadas pelo Congresso. Com informações de Agência Senado


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE