O governo federal estendeu por mais 30 dias a restrição para a entrada de estrangeiros no Brasil, em voos internacionais, independentemente da nacionalidade, segundo recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), em decorrência da pandemia do vírus chinês.

A medida foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União na terça-feira(29/04). A Portaria Interministerial dispõe que a restrição de entrada no País não se aplica ao brasileiro, nato ou naturalizado; imigrante com residência de caráter definitivo, por prazo determinado ou indeterminado, no território brasileiro; profissional estrangeiro em missão a serviço de organismo internacional, desde que devidamente identificado; funcionário estrangeiro acreditado junto ao Governo brasileiro dentre outros.

A mesma medida que vetou a entrada de estrangeiros já tinha sido adotada no final de março pelo prazo de 30 dias, agora é prorrogada por igual período.

*Com informações de Agência Brasil