O Gabinete de Segurança Institucional, chefiado pelo General Augusto Heleno, emitiu um comunicado duro ante a ameaça inaceitável e inconcebível feita pelo ministro do STF, Celso de Mello, de mandar executar ordem de busca e apreensão do aparelho celular do Presidente da República.

O comunicado diz claramente que tal atitude, além de inacreditável, constitui-se em uma ameaça à harmonia entre os três poderes, e que poderá ter consequências imprevisíveis para a estabilidade nacional. O comunicado pode ser visto abaixo.


GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL EMITE COMUNICADO DURO SOBRE AMEAÇA DE APREENSÃO DE CELULAR DO PRESIDENTE


Crítica Nacional Notícias: