por angelica ca
O secretário de Estado americano Mike Pompeo afirmou na segunda-feira (06/07) que os Estados Unidos estão considerando proibir aplicativos de mídia social chineses, incluindo o TikTok, sob suspeitas de que Pequim os use para espionar usuários.

Em entrevista à Fox News, Mike Pompeo afirmou que não queria fazer frente ao presidente Donald Trump, “Não quero sair na frente do presidente, mas é algo que estamos vendo”, disse ele, acrescentando que o governo está levando o assunto “muito a sério”.

Pompeo disse que, por muito tempo, os Estados Unidos trabalharam nos problemas da tecnologia chinesa e estavam fazendo progressos reais, “declaramos a ZTE um perigo para a segurança nacional americana”, afirmou Pompeo.

Quando perguntado se os cidadãos norte-americanos deveriam baixar e usar o aplicativo Tik Tok, o secretário de Estado dos Estados Unidos enfatizou que os americanos devem ser cautelosos ao utilizar a rede social: “Somente se você quiser suas informações privadas nas mãos do Partido Comunista Chinês”, disse Pompeo.

Seus comentários foram feitos depois que a Índia proibiu o TikTok e outros aplicativos por questões de segurança. Conforme informado pelo Crítica Nacional, a Índia proibiu recentemente o uso do TikTok, juntamente com outros 58 aplicativos chineses por questões de segurança e privacidade nacional. Outros países, como a Austrália, estão considerando tomar medidas semelhantes. Com informações de Fox News e The Epoch Times. 

ÍNDIA PROÍBE TIK TOK E OUTROS 58 APLICATIVOS CHINESES POR QUESTÕES DE SEGURANÇA NACIONAL

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE