por angelica ca
O primeiro-ministro britânico Boris Johnson ordenou nesta terça-feira (14/07) que toda tecnologia da Huawei fosse banida da rede 5G do Reino Unido até 2027.

O primeiro-ministro também proibiu a Huawei de fornecer novos equipamentos às suas redes 5G a partir de 31 de dezembro. Além disso, as operadoras de banda larga de fibra óptica do Reino Unido terão dois anos para fazer a transição da compra de equipamentos da Huawei.

A decisão foi anunciada pelo ministro da Cultura, Digital, Esportes e Mídia, Oliver Dowden à Câmara dos Comuns, segundo ele o Reino Unido deve garantir que seu sistema seja o mais seguro possível e que é o caminho certo para as redes de telecomunicações do país, “para nossa segurança nacional e nossa economia, agora e no longo prazo”.

Para ficar claro, a partir do final deste ano, as operadoras de telecomunicações não devem comprar nenhum equipamento 5G da Huawei e, quando a lei de segurança das telecomunicações for aprovada, será ilegal fazê-lo”, concluiu Oliver Dowden.

Em tom de ameaça, a China alertou que Johnson enfrentará consequências se o Reino Unido a considerar um parceiro hostil. Em comunicado divulgado por um porta-voz da Huawei, a empresa disse que a decisão prejudicaria todos os britânicos  e arriscou relegar a Grã-Bretanha à pista lenta digital nos próximos anos. Com informações de Sky News,  The Daily Wire e WSJ.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE