por paulo eneas
Deputados federais de diversos partidos estariam sendo chantageados para votar contra o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) na sessão plenária desta quinta-feira (18/02) da Câmara dos Deputados que irá definir sobre a manutenção ou não da prisão do parlamentar carioca preso ilegalmente desde a última terça-feira por ordem do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal.

Segundo nossas fontes, os deputados alvo da chantagem seriam aqueles que têm processos em andamento na instância máxima da justiça pelas mais variadas razões. Estes deputados estariam recebendo “recados” de que se votarem pelo cancelamento da prisão de Daniel Silveira, seus respectivos processos terão andamento.

Por sua vez, os deputados processados que votarem pela manutenção da prisão seriam recompensados pela lerdeza proposital de seus respectivos processos. Caso esta denúncia seja confirmada, estaríamos diante de um flagrante crime de fraude contra as instituições do parlamento e da justiça.


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE