por camila abdo e paulo eneas
O prefeito de Florianópolis (SC), Gean Loureiro, decretou lockdown na cidade no último domingo (28/02). O anúncio foi feito pelo prefeito diretamente de um hotel em Cancun, paraíso paradisíaco do Caribe, onde não há lockdowns e onde o prefeito desfruta de férias sem enfrentar as restrições que ele decidiu impor aos seus munícipes.

Após ter seu paradeiro paradisíaco revelado, o prefeito Gean Loureiro antecipou sua volta ao Brasil para o próximo final de semana.

O fato de o anúncio de lockdown ter sido feito nestas circunstâncias evidencia o escárnio, o desprezo e a sensação de blindagem ante a opinião pública da parte de governantes locais. Uma blindagem que decorre do vácuo de poder criado pelo Governo Federal em relação à pandemia, e que transmite a esses governantes locais a garantia de que podem fazer o que bem entender, sabendo que nada irá lhes ocorrer. Informações de Jornal da Cidade Online.

Leia também:
A Prioridade Nacional É Revogar a Lei 13.979 do Coronavírus: O Cavalo de Troia da Pandemia


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE