por camila abdo e paulo eneas
Um verdadeiro crime está sendo cometido na cidade de Araraquara (SP), onde os moradores estão passando por desabastecimentos e aumento da pobreza após o prefeito Edinho Silva (PT) fechar até mesmo os supermercados da cidade sem aviso prévio para que as pessoas pudessem se programar.

Na quarta-feira (24/02) e quinta-feira (25/02) da semana passada, as maiores redes atacadistas que atendem a cidade já anunciavam o atraso de entregas ou a pausa no recebimento de pedidos devido a alta demanda daqueles que queriam estocar alimentos.

Os comerciantes foram pegos de surpresa, e não tiveram tempo para se preparar e estocar mercadorias. Até para comprar pão os moradores enfrentam desafios, e não há mais mais materiais para produzir o alimento. As taxas de desemprego e miséria estão aumentando exponencialmente, e já se tornou comum ver pessoas no semáforo, desesperadas, pedindo comida.

Leia também:
A Prioridade Nacional É Revogar a Lei 13.979 do Coronavírus: O Cavalo de Troia da Pandemia


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE