por angelica ca e paulo eneas
A Câmara de Municipal de Londrina (PR) aprovou por dezesseis votos favoráveis e dois contrários o Projeto de Lei 2/2021 que revoga os efeitos do decreto do Governo do Estado do Paraná que determina o lockdown em todos os municípios do Estado, incluindo Londrina, em razão da pandemia do vírus chinês.

O projeto de lei da autoria da vereadora Jessica Ramos (PP) havia sido protocolado na segunda-feira (01/02), com o objetivo de sustar os efeitos do decreto de lockdown estadual na cidade de Londrina. A proposta entrou na pauta da sessão desta terça-feira (02/03) e foi aprovada em primeira discussão pelos vereadores.

Na justificativa da proposta, vereadora Jessica Ramos afirmou que o fechamento das atividades econômicas agravará ainda mais a crise enfrentada pelo comércio de Londrina:

“Após um ano de enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente da pandemia da covid, não houve tempo hábil para preparar ações e medidas efetivas para o combate ao coronavírus? É passível de questionar as reais intenções deste decreto, ao buscar uma solução mais fácil para diminuição da contaminação causada pelo coronavírus”, afirmou a vereadora.

O governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), publicou na última sexta-feira (26/02) o Decreto nº 6.983 determinando a suspensão do funcionamento de atividades consideradas não essenciais entre a zero hora do dia 27 de fevereiro e as 5 horas do dia 8 de março. O decreto também restringe a circulação em vias públicas entre 20h e 5 horas, o que caracteriza um toque de recolher e, portanto, uma medida inconstitucional.

O projeto aprovado seguirá para votação em segunda discussão ainda esta semana na Câmara Municipal de Londrina. Se for assinado e promulgado pelo presidente da Casa, a lei entrará imediatamente em vigor. Informações de Tarobá News, Folha de Londrina e Catev.com

Leia também:
Decreto Federal Blindou a Grande Imprensa Para Espalhar Pânico & Desinformação na Pandemia


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE