por camila abdo
A Secretaria Especial de Cultura do governo federal publicou nesta sexta-feira (05/03) uma portaria informando que somente irá avaliar pedidos de liberação de verbas para eventos culturais presenciais. Considerando o lockdown imposto por prefeitos e governadores, a Secretária não irá promover eventos com aglomerações nas respectivas cidades e estados onde as medidas de restrição foram adotadas.

O texto do comunicado afirma que as propostas culturais só serão analisadas caso haja interação presencial com o público, e somente em Estados sem restrição de circulação, toque de recolher, lockdown ou outras ações que impeçam a execução do projeto.

A medida, assinada por André Porciuncula, titular da subpasta de Fomento e Incentivo à Cultura, tem validade de quinze dias e poderá ser prorrogada ou suspensa antes do prazo final, a depender da manutenção ou não das medidas restritivas nos referidos entes da federação. Informações do site Poder 360.


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE