por paulo eneas
O novo Ministro da Saúde, Dr. Marcelo Queiroga, afirmou em entrevista na tarde desta terça-feira (16/03) que a política do Ministério da Saúde será a política do governo, dando a entender que ele seguirá o que for determinado pelo Presidente Bolsonaro em relação à pandemia do vírus chinês.

Se o novo ministro cumprir o que afirmou, pode ser um sinal positivo. Pois desde o início da pandemia, o presidente vem defendendo o tratamento precoce e preventivo contra a covid, e colocando-se contra medidas de restrições que afetam a economia e agridem direitos.

Esperamos portanto que o novo ministro assuma o compromisso de implantar em âmbito nacional um programa arrojado de tratamento precoce e preventivo contra a covid, e rechace quaisquer medidas e fechamento e lockdowns. Pois se não for para adotar esta diretriz, de nada terá adiantado fazer a troca de comando no ministério.

Leia também:
Depois das Manifestações: O Que O Governo Precisa Fazer Neste Momento


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE