por paulo eneas
Os comandantes do Exército, da Marinha e da Aeronáutica serão substituídos. A informação foi divulgada em nota oficial  do Ministério da Defesa no final da manhã desta terça-feira (30/03). A troca do comando militar nacional ocorre como desdobramento da mudança na chefia do Ministério da Defesa, realizada nesta segunda-feira, quando o Presidente Bolsonaro decidiu trocar seis de seus vinte um ministros.

A troca do comando militar foi decidida em reunião entre os atuais comandantes, o general Edson Pujol, comandante do Exército, o almirante de esquadra Ilques Barbosa Junior, comandante da Marinha, e o tenente-brigadeiro do ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, comandante da Aeronáutica, que reuniram-se com o general Walter Braga Netto, o novo Ministro da Defesa nomeado. Também participou da reunião o general Fernando Azevedo, que está deixando a pasta. Analisaremos ao longo do dias as implicações destas mudanças.


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE