por camila abdo e paulo eneas
O governo da Austrália cancelou esta semana um acordo de infraestrutura que havia sido firmado entre a China e o Estado de Vitória, localizado no sudeste australiano, por entender que tal acordo representaria um risco para a segurança nacional da Austrália.

A governadora de Vitória, Linda Dessau, havia decidido aderir à iniciativa Belt and Road,  programa de política externa levado adiante por Pequim no qual a China está investindo bilhões de dólares em projetos de infraestrutura em todo o mundo.

O programa possibilita que o Partido Comunista Chinês venha na prática controlar setores estratégicos de infraestrutura em países estrangeiros, como já vem acontecendo principalmente em alguns países africanos, onde a China já exerce a soberania de fato sobre alguns portos e demais instalações de infraestrutura.

A decisão do governo australiano vem somar-se à decisão já tomada há alguns meses de proibir a Huawei, braço tecnológico de telecomunicações do Partido Comunista Chinês, de lançar Redes 5G na Austrália. A proibição também foi motivada por questões de segurança nacional interna.


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE