por angelica ca e paulo eneas
O governador do Estado do Arizona, o republicano Doug Ducey, assinou ordem executiva nesta terça-feira (15/06) proibindo as universidades públicas e faculdades comunitárias daquele estado norte-americano de exigir que os alunos não vacinados sejam rotineiramente testados contra covid ou usem máscara.

De acordo com a ordem executiva, os estudantes universitários não podem ser obrigados a tomar a vacina contra covid-19 ou enviar documentações que atestem a vacinação. Os alunos também não podem ser obrigados a fazer o teste ou usar máscaras para participar do aprendizado presencial.

A ordem executiva vem um dia depois de Doug Ducey usar suas redes sociais para manifestar-se criticando um e-mail enviado pela Arizona State University informando que “todos os alunos matriculados em um programa acadêmico no campus para 2021-2022 serão vacinados”.

A universidade havia determinado que os alunos deveriam exibir comprovante de vacinação. Os não vacinados deveriam se submeter a um exame diário de saúde além de realizar teste para Covid-19 duas vezes por semana.

A norma também estabelecia a obrigatoriedade do uso de máscara em espaços internos e externos do campus pelos alunos não vacinados. O governador republicano Doug Ducey criticou as medidas adotadas pela universidade, e editou a ordem executiva tornando tais medidas sem efeito. Informações de Washington Examiner | The Hill | Breaking 911.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE