A Polícia Federal enviou nesta terça-feira (20/07) um pedido autorização ao Supremo Tribunal Federal para investigar o deputado federal Luís Miranda (DEM-DF) por possível crime de denunciação caluniosa contra o presidente Jair Bolsonaro.

O deputado afirmou ter alertado o presidente sobre a existência de um suposto esquema de corrupção na compra da vacina indiana Covaxin, da Bharat Biotech, no início de 2021. O pedido de investigação foi enviado pelo ministro da Justiça, Anderson Torres, que alegou relato de fatos inverídicos por parte de Luís Miranda sobre o caso Covaxin.

O processo foi encaminhado para avaliação da ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal. Se a corte autorizar, as investigações terão início e poderão resultar na abertura de inquérito e em processo criminal contra o deputado Luís Miranda.


COLABORE COM O CRÍTICA NACIONAL FAZENDO UMA DOAÇÃO PELO PIX: 02259742823


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE