O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), anunciou por meio de suas redes sociais nesta terça-feira (19/10) que a Mesa Diretora da Casa decidiu que os trabalhos presenciais serão retomados a partir da próxima segunda-feira (25/10).

De acordo com o parlamentar, será exigida a apresentação do comprovante de vacinação contra Covid-19 para ter acesso às dependências da Casa. “Serão tomadas todas as medidas administrativas e sanitárias no retorno das atividades, entre elas, a apresentação da carteira de vacinação”.

A decisão pela obrigatoriedade da vacinação foi tomada após consenso da Mesa Diretora e  vale também para os deputados. A implementação desta medida irá fazer com que o Presidente da República fique impedido de entrar nas dependências da Câmara dos Deputados, e constitui-se em mais uma etapa da implementação da vacinação compulsória, que vem ocorrendo em todo o país.


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE