O Conselho de Administração da Universidade de Brasília aprovou na última quinta-feira (11/11) uma resolução com orientações para o retorno supostamente seguro ao trabalho e às atividades acadêmicas presenciais naquela instituição.

De acordo com resolução, será necessário apresentar comprovante de vacinação completo contra Covid-19 para se ter acessar à Biblioteca Central e ao Restaurante Universitário do campus Darcy Ribeiro, na Asa Norte. A medida entrará em vigor 15 dias após a publicação.

A medida também prevê que cada setor da universidade deverá regulamentar a resolução internamente, e o cartão de vacina poderá ser exigido para a utilização de alguns outros espaços da universidade. Na UnB, as unidades acadêmicas devem seguir o Plano Geral de Retomada das Atividades.

Não tivemos conhecimento de qualquer manifestação oficial do Ministério da Educação a respeito da medida. A segregação social por meio da vacinação obrigatória está se tornando uma realidade no país inteiro: diversos órgãos públicos, inclusive aqueles da esfera federal vinculados hierarquicamente ao Poder Executivo, estão impondo a exigência do passaporte vacinal.

A promessa do Presidente da República de que a vacinação contra a Covid-19 não seria obrigatória, ficou apenas na promessa, uma vez que o próprio presidente sancionou a Lei 13979 que confere a a base jurídica para esta medidas segregacionistas. Fonte: Metrópoles | Jornal de Brasília.


Não Deixe o Crítica Nacional Acabar!

Crítica Nacional precisa e muito do apoio de seus leitores para continuar. Dependemos unicamente do financiamento do nosso público leitor, por meio de doações e assinaturas de apoio, para tocar adiante nosso projeto.

Crítica Nacional é hoje um dos poucos veículos da chamada imprensa independente que mantém-se fiel ao compromisso com a verdade dos fatos e a defesa de valores conservadores. Dentre os demais, muitos renderam-se ao chapa-branquismo desbravado, lançando mão até mesmo da divulgação de conteúdos falsos ou enganosos para esse intento. Esse tipo de conduta você jamais irá ver no Crítica Nacional.

Estamos nesse momento apelando encarecidamente ao nosso público para que contribua conosco. Você poderá fazer esta contribuição acessando este link aqui, onde terá a opção de fazer uma assinatura de apoio a um valor mensal irrisório e bastante acessível, e poderá também fazer uma doação no valor que desejar.

Muito obrigado.


 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE