O governador tucano de paulista João Doria anunciou nesta quarta-feira (09/mar) o fim da obrigatoriedade do uso de máscaras faciais em ambientes abertos em todo o Estado de São Paulo. O decreto entrou em vigor imediatamente após sua publicação. O decreto estabelece que o uso de máscaras passa a ser opcional em vias públicas, parques, ambientes escolares abertos, shows e eventos ao ar livre.

No entanto, o uso permanece obrigatório em locais fechados de acesso ao público, como transporte coletivo, escolas, comércios e escritórios. Segundo o governo paulista, a decisão seguiu recomendação de seu comitê científico da pandemia do coronavírus, que recomendou a suspensão das máscaras em ambientes abertos por conta da redução de 76.7% nas novas internações e 56% dos óbitos por Covid-19 no último mês.

A obrigatoriedade do uso de máscaras faciais em ambientes abertos esteve entre as medidas mais questionadas quanto à sua profilaxia ao longo da pandemia. A medida teve um poderoso componente de controle social, que pôde ser constatado observando-se pessoas isoladas usando máscaras em ambientes abertos. Fonte: Diário do Poder | Portal G1.

Crítica Nacional é uma mídia independente que mantém-se fiel ao compromisso com a verdade e a defesa de valores conservadores, e precisa do apoio de seus leitores para continuar. Apelamos encarecidamente ao nosso público para contribuir conosco pelo PIX: 02259742823 ou através deste link para fazer assinatura de apoio.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE