por angelica ca e paulo eneas
O Twitter suspendeu no início de julho a conta da Zelenko Freedom Foundation, uma organização fundada pelo renomado médico Dr. Vladimir Zelenko, um dos pioneiros no uso de medicamentos reposicionados para o tratamento da Covid-19.

Nascido na Ucrânia e radicado nos Estados Unidos, Vladimir Zelenko foi um dos heróis mundiais da medicina durante a pandemia do coronavírus, por ter pautado sua atuação em salvar vidas, e por não ter se curvado à ditadura imposta pela indústria farmacêutica.

Por conta de sua atuação, Zelenko foi um dos médicos mais perseguidos, difamados e caluniados pela grande imprensa e por toda a esquerda ocidental. Nascido em 1973 na Ucrânia, Zelenko faleceu de câncer em 30 de junho deste ano, ao 48 anos de idade.

O Crítica Nacional é uma mídia independente que mantém-se fiel ao compromisso com a verdade e a defesa de valores conservadores, e precisa do apoio de seus leitores para continuar. Apelamos ao nosso público para contribuir conosco pelo PIX: 022.597.428-23 ou através deste link para fazer assinatura de apoio.

Um dia após seu falecimento, o Twitter suspendeu a conta da Zelenko Freedom Foundation, que havia sido criada duas semanas antes. Falando ao Epoch Times, Ann Vandersteel, presidente adjunta da Zelenko Freedom Foundation, disse que ninguém do Twitter entrou em contato com ela para verificar quem estava gerenciando a conta:

“Não é segredo que as grandes [empresas] de tecnologia abominam a liberdade de expressão e, em vez disso, fazem adoração no altar do coletivismo marxista e do pensamento coletivo”, afirmou Ann Vandersteel. O Dr. Vladimir Zelenko foi indicado ao Prêmio Nobel de Medicina por ter descoberto e distribuído um protocolo de tratamento inicial para Covid-19, chamado de Protocolo Zelenko. O médico faleceu de câncer em 30 de junho de 2022. Fonte: Life Site News | Epoch Times.

O Crítica Nacional é uma mídia independente que mantém-se fiel ao compromisso com a verdade e a defesa de valores conservadores, e precisa do apoio de seus leitores para continuar. Apelamos ao nosso público para contribuir conosco pelo PIX: 022.597.428-23 ou através deste link para fazer assinatura de apoio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE