por paulo eneas
Convenção Nacional do PTB realizada nesta segunda-feira (01/08) aprovou por aclamação o nome do ex-deputado Roberto Jefferson como candidato da sigla à Presidência da República nas eleições deste ano. A possibilidade de o PTB lançar o nome de Jefferson como candidato a presidente foi antecipada pelo Crítica Nacional em publicação em nossa rede social na última sexta-feira.

Para a base de seu partido, quase toda ela bolsonarista, Roberto Jefferson estaria afirmando em mensagens atribuídas a ele que circulam em redes sociais, que a intenção de sua candidatura seria a de “proteger” o Presidente Bolsonaro nos debates e demais confrontos eleitorais com a esquerda no decorrer da campanha.

Durante a convenção foi exibido um vídeo em que Roberto Jefferson afirma, entre outros, que sua iniciativa não se opõe a Bolsonaro, mas visa evitar a abstenção eleitoral em determinados nichos da direita. Roberto Jefferson afirma também que não haverá objeção ao membros do partido que desejam apoiar a reeleição de Bolsonaro.

Os argumentos do próprio Roberto Jefferson sugerem que o pretexto de “proteger” Bolsonaro na disputa eleitoral pode ser apenas um artifício retórico do ex-deputado para evitar uma resistência maior em sua própria base.

Pois se Bob Jeff afirma e reconhece que existe um nicho do eleitorado de direita que estaria disposto a abster-se na eleição, significa que este nicho não se encontra representado pela candidatura à reeleição de Bolsonaro, de modo que o caminho natural será Roberto Jefferson apresentar-se como alternativa eleitoral para este nicho, pois meio de um discurso mais à direita que o próprio Bolsonaro não terá como encampar.

O Crítica Nacional é uma mídia independente que mantém-se fiel ao compromisso com a verdade e a defesa de valores conservadores, e precisa do apoio de seus leitores para continuar. Apelamos ao nosso público para contribuir conosco pelo PIX: 022.597.428-23 ou através deste link para fazer assinatura de apoio.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE